Depois de muitos anos de espera, o primeiro Pequeno Príncipe 135 navegou com suas velas enfunadas na Lagoa da Conceição, em Florianópolis. O construtor, Manuel Vivanco Bercovich, realizou um trabalho incrível, que incluiu moitões de madeira feitos integralmente por ele, inclusive com roldanas de nylon fabricadas em um torno caseiro feito com peças de madeira e uma furadeira!

Navegamos no Detinha, e foi uma experiência inesquecível: um barco ágil, de respostas suaves mas rápidas, muita estabilidade, confirmando a proposta do projeto, de ser um barco compacto e fácil de navegar como um daysailer, mas com acomodações para acampar a bordo e pernoitar com conforto.

Com 4,2m de comprimento, 1,9m de boca, muito espaço de carga e uma cabine que oferece abrigo a um casal, o Pequeno Príncipe 135 é o projeto ideal para quem quer construir um veleiro cabinado por um custo muito reduzido, em pouco tempo, sem necessidade de recursos, espaço ou ferramentas especiais. Uma furadeira, uma tico-tico e uma lixadeira bastam, e uma vaga de garagem coberta é suficiente. Esta é a proposta do Pequeno Príncipe 135, um veleiro para o iniciante na vela e na construção.

Parabéns ao Manuel pelo seu excelente trabalho! Seu barco é um exemplo e inspiração para todos nós!